A ASOMED  (Associação para Estudos de Estratégias Ortomoleculares em Medicina) foi fundada em 21 de Outubro de 2010 na cidade de Brasília-DF.

A idéia da criação surgiu em meados em Janeiro de 2010 por parte dos alunos (na época pós-graduandos em ortomolecular, pela Universidade Veiga de Almeida - RJ). Na época os alunos perceberam alguns pontos:

1) Após o término do curso, provalmente perderia o contato

2) A ortomolecular ainda não tem o devido reconhecimento e respeito por parte da medicina alopática, portanto, faz-se necessário congregar colegas de todas as especialidades e que atuam em abordagem ortomolecular. A fim de esclarecermos à população que nossa prática possui validação científica internacional.

3) A visão deturpada que às vezes a ortomolecular é vista deve-se a alguns profissionais charlatães e que não honram o juramente hipocrático.

Nosso intuito é congregar todos os colegas que atuam em abordagem/estratégica ortomolecular a fim de buscarmos junto ao Conselho Federal de Medicina o nosso reconhecimento, ao menos como área de atuação.

Também temos como objetivo, esclarecer à população o que é ou não prática ortomolecular, além de atuar em educação em saúde junto à população.

Apesar de muitos ortomoleculares praticarem medicina antiaging, nós da ASOMED não praticamos e somos contra tal tipo de prática. Pois a mesma é proibida pelo Conselho Federal de medicina. Um ortomolecular genuíno não prescreve hormônios, muito menos hCG. A utilização de hormônios não faz parte do arsenal terapêutico da ortomolecular.

A ASOMED é composta por:

PresidenteFrederico Lobo (CRM-GO 13192/ CRM-DF 18620) - Médico, clínico geral. Utiliza da abordagem ortomolecular na sua prática clínica.

Vice-presidente: Nyura Gomes Cavalcanti (DF) - Médica, anestesiologista, atua em estética e abordagem Ortomolecular

Secretárias:
1) Lidiane Duarte Martins (DF) - Médica, clínico-geral,com formação em dermatologia e estética, atua em abordagem ortomolecular
2) Daniela de Sales Navarro (DF) - Médica, ginecologista e obstetra, atua em abordagem ortomolecular

Diretoria científica:
1) Frederico Lobo (CRM-GO 13192/ CRM-DF 18620) - Médico, clínico geral. Utiliza da abordagem ortomolecular na sua prática clínica.

 

Infelizmente a prática ortomolecular está vetada por decisão do CFM e os médicos que antes praticavam agora não podem mais praticar.

Contacto